, 25 tweets, 4 min read
A partir de hoje e com as novas entradas na AR vai dar-se inicio uma guerra de retórica e informação falsa, potencialmente sem precedentes.
Alguns partidos, empolgados com os resultados obtidos não darão tréguas no debate público recorrendo a tácticas que sabem que funcionam por observação do sucesso que tiveram noutros países. Estas tácticas são identificáveis e devemos compreender o que são para poder combatê-las
1- Ocupar o máximo de espaço mediático. O domínio dos meios de comunicação (principalmente online) é uma das tácticas predilectas. Não importa que seja com mensagens negativas. A constante crítica também ocupa espaço e desvia o discurso (falem de mim, mesmo que seja mal)
Esta táctica permite não só ocupar o espaço de debate como promover a imagem e dar-se a conhecer a potencial eleitorado menos informado. Serve também, através da recorrente vitimização, para estabelecer uma postura anti-sistema que não corresponde à realidade.
Frases como "se estão a criticar-nos é pq alguma coisa boa estamos a fazer" ou "amanhã os jornais vão estar todos a falar mal de nós" ou ainda "estão a censurar-nos porque dizemos as verdades" são exemplos desta manobra.
Para a combater há k esvaziar o espaço. Não partilhar directamente nenhum conteúdo. Não citar directamente um interveniente. Referir-se aos intervenientes sempre com siglas, alcunhas ou referencias de comum acordo e não usar os nomes de candidatos ou partidos, handles dos mm, etc
Não partilhar ou clicar em notícias onde são mencionados, boicotar canais e jornais onde lhes é dado espaço privilegiado. Escolham a CS que menos palco der a estes indivíduos e à sua retórica para obter a vossa informação.
Estes movimentos vivem da polémica do dia. Vivem de ser o centro das atenções. Mesmo por via da indignação. Cada vez que nos centramos no que fazem ou dizem, eles terão mais uma vitória.
2- Atrair pessoas para discussões ou intervir em discussões online de forma a enxovalhar ("own") alguém e apanha-lo num contra-senso retórico é uma das formas mais eficazes de alargar a base. Estes movimentos vivem de questões identitárias e mentalidade de grupo (pack)
Nesse sentido, para eles expor ao ridículo público o outro (e mais que muitas vezes, a outra) é uma forma de angariar seguidores e alargar a plataforma para passar a sua mensagem.
Nos debates virtuais não há vencedores em posições extremadas. Eles não podem ser chamados "a razão" nem demovidos pela lógica. O objectivo é ter mais espaço para espalhar a mensagem e a mesma ser aprovada pelos seus seguidores, já convertidos ou em processo de conversão.
Desta forma, ao "vencerem" o outro em espaço público, o grupo sente-se vingado por um lado e validado do ponto de vista das suas crenças por outro. Reforça a identidade e pertença ao grupo e imprime + fundo a mensagem que querem passar.
Arrastar outros para debates nos seus termos é o principal objectivo. Combate-se isto com "disengagement". Se a conversa parecer em termos equiparáveis e com o objectivo de compreensão mutua, dar continuidade. Senão, evitar ao máximo continuar a interagir
Se houve desrespeito (em relação a nós ou para com outros), bloquear o interveniente imediatamente. Não o citar, não o referenciar, não propagar a falsidade com que tentou "triggar".
3- Espalhar mentiras especialmente sob a forma de slogans ou chavões e/ou memes.

Devemos combater sempre a mentira online. Responder com factos e citações de fontes. Não procurar a continuidade se o ambiente for hostil.
Fazer mute à conversa se derivar de um debate com outras frases feitas do mm género. Bloquear se ficar extremado ou ofensivo.
Procurar sempre expor as tácticas dos outros, sem citações, sem partilhas. Se necessário mencionar outros que confiemos para com a força dos números superar situações de desvantagem. Procurar sempre inundar informação falsa com contraditório factual.
Lembrar que não é a quem estamos a responder que queremos convencer mas sim quem por acidente ou curiosidade possa encontrar a informação e julga-la verdadeira por falta de conhecimento ou sentido crítico.
Lembrar-mo-nos sempre e a qualquer momento que somos a maioria e seremos sempre, mesmo quando não parece.
4- Eles tentarão vencer pelos números. Tentarão ter a sua mensagem o mais divulgada.

A nós cabe-nos colaborar. Recrutar mais. Arranjar mais para o nosso lado. Ser aberto e cordial com quem vem a procura de informação. Tentar não recorrer ao gozo.
Chamar nomes a alguém que está na fronteira da decisão é empurra-lo para o outro lado da barricada. Nunca partilhar algo por valor humorístico ou para exposição ao ridículo. Esse é o melhor caminho para o outro lado cerrar fileiras, sentir-se anti-sistema, sentir-se identificado.
Na guerra de ideias vencem as melhores ideias, não as melhores piadas.

Interagir sempre com o objectivo da proximidade de ideias. Ao contrário deles, nós não queremos "extinguir" o outro lado.
Teremos inevitavelmente de conviver com ele, mas de preferência numa posição em que o palco deles foi esvaziado.
Não temos de o tolerar nem de lhe dar espaço nem de aceitar o lugar das suas ideias. Têm o seu palco na AR. Têm o seu palco quando se reúnem e partilham as suas ideias. Têm vários palcos disponíveis. Mas enquanto houver um de nós, terão oposição à sua retórica.
Enquanto houver um de nós, os que reconhecem os perigos inerentes ao que defendem, os que compreendem a cisão social que propõem e a forma desprovida de solidariedade, igualdade e empatia como vêem a sociedade então teremos de demonstrar-lhes que não passarão.

#naoPassarao
Missing some Tweet in this thread?
You can try to force a refresh.

Like this thread? Get email updates or save it to PDF!

Subscribe to Politriks
Profile picture

Get real-time email alerts when new unrolls are available from this author!

This content may be removed anytime!

Twitter may remove this content at anytime, convert it as a PDF, save and print for later use!

Try unrolling a thread yourself!

how to unroll video

1) Follow Thread Reader App on Twitter so you can easily mention us!

2) Go to a Twitter thread (series of Tweets by the same owner) and mention us with a keyword "unroll" @threadreaderapp unroll

You can practice here first or read more on our help page!

Follow Us on Twitter!

Did Thread Reader help you today?

Support us! We are indie developers!


This site is made by just three indie developers on a laptop doing marketing, support and development! Read more about the story.

Become a Premium Member ($3.00/month or $30.00/year) and get exclusive features!

Become Premium

Too expensive? Make a small donation by buying us coffee ($5) or help with server cost ($10)

Donate via Paypal Become our Patreon

Thank you for your support!