Como uma vitória do candidato democrata Joe Biden nos EUA em novembro afetaria a relação bilateral entre os EUA e o Brasil? Bolsonaro, que apostou todas as suas fichas na aproximação com Trump, seria um dos líderes mais afetados pela vitória de Biden. 🧵👇
Vários especialistas acreditam q uma derrota de Trump ñ necessariamente causaria uma ruptura nas relações entre os EUA & Brasil. @robertosimon escreve
q “um antagonismo profundo parece improvável”, e q Biden seria “um pragmático convencido da importância da relação com o Brasil”
De fato, não há dúvida de que o democrata teria pouco interesse em isolar o Brasil e empurrá-lo para os braços da China ― afinal, espera-se que Biden mantenha a atual estratégia de Trump em relação ao país asiático.
Porém, a avaliação dos otimistas presume uma forte dose de pragmatismo do lado de Bolsonaro, e pouco na sua atuação externa até hoje sugere que tenha interesse ou capacidade para tal. O caso da derrota de Maurício Macri na Argentina no fim de 2019 serve como exemplo preocupante.
A maioria dos analistas esperava que Bolsonaro adotasse uma postura pragmática quando ficou claro que Alberto Fernández, aliado de Cristina Kirchner, grande inimiga do bolsonarismo, se tornaria presidente. Deu-se o oposto. Até hoje, Bolsonaro nunca falou com Alberto Fernández.
O exemplo da relação bilateral com a China tampouco inspira otimismo. Mtos esperavam q Bolsonaro abraçaria o pragmatismo depois de ter atacado a China durante a campanha presidencial. Uma vez eleito, porém, pouco mudou. A relação hj está marcada pela desconfiança.
Para pensar sobre a reação de Bolsonaro a uma possível vitória de Biden, é preciso lembrar q Trump dificilmente aceitaria o resultado. Durante semanas ou meses de incerteza, em q Trump se recusasse a ceder e apresentasse supostas evidências por fraudes, como reagiria Bolsonaro?
Se Bolsonaro ou seus familiares optarem por defender publicamente Trump durante o impasse, haverá pouco espaço para pragmatismo quando Biden se tornar presidente. Vale lembrar q, mesmo com Biden liderando com folga, Eduardo Bolsonaro decidiu postar, no twitter, um vídeo pró-Trump
Mesmo fora da Casa Branca, Trump estará no controle do Partido Republicano. Steve Bannon e outros estrategistas buscarão se reagrupar para atacar nas eleições parlamentares já em 2022. É evidente que Eduardo Bolsonaro manteria contato com redes de extrema-direita nos EUA.
Seria uma ótima notícia se Bolsonaro optasse pelo pragmatismo caso Biden saia vitorioso. Porém, diante do histórico da política externa bolsonarista até agora, é preciso se preparar para uma crise na relação com os EUA ―e o isolamento do Brasil no Ocidente
brasil.elpais.com/opiniao/2020-0…
Segue aqui a excelente coluna do Roberto:
www1.folha.uol.com.br/colunas/robert…
Eis a excelente coluna do Roberto sobre o mesmo tema:
www1.folha.uol.com.br/colunas/robert…

• • •

Missing some Tweet in this thread? You can try to force a refresh
 

Keep Current with Oliver Stuenkel 🇧🇷

Oliver Stuenkel 🇧🇷 Profile picture

Stay in touch and get notified when new unrolls are available from this author!

Read all threads

This Thread may be Removed Anytime!

PDF

Twitter may remove this content at anytime! Save it as PDF for later use!

Try unrolling a thread yourself!

how to unroll video
  1. Follow @ThreadReaderApp to mention us!

  2. From a Twitter thread mention us with a keyword "unroll"
@threadreaderapp unroll

Practice here first or read more on our help page!

More from @OliverStuenkel

21 Aug
De acordo com a ativista ambiental LuisaNeubauer, Angela Merkel confirmou, em reunião, q ñ apoiará a ratificação do acordo comercial com o Mercosul. Se for verdade, o Brasil acabou de perder seu principal aliado na tentativa de implementar o maior acordo comercial da sua história
Tanto associações de indústria alemã, de olho no grande mercado do Mercosul, quanto o Ministério das Relações Exteriores alemão tinham trabalhado assiduamente para evitar o descarrilamento do acordo.
Além dos ganhos econômicos, as implicações geopolíticas do pacto eram vistas como ainda mais importantes, e a diplomacia alemã enxerga na América Latina um parceiro importante na defesa do multilateralismo.
Read 10 tweets
17 Aug
Conversei hoje com uma amiga, professora em um colégio público em Düsseldorf, na Alemanha, sobre a volta às aulas lá em tempos de covid-19. A quantidade de novas regras cria um desafio logístico enorme e requer muita disciplina individual -- mas ela diz que funciona bem. 🧵👇
As aulas de cada turma começam em horários diferentes p/ evitar aglomerações. A entrada e a saída de cada turma não pode demorar + de 5 minutos. Se uma turma se atrasar, atrapalha todas as outras. Alunos q chegam atrasados ñ podem entrar no prédio e perdem todas as aulas do dia
Recreio, pausas, almoço -- tudo acontece em horários separados. Todos os corredores têm setinhas no chão e viraram 'mão única' para evitar q turmas se encontrem. Os alunos precisam usar máscara durante todas as aulas.
Read 8 tweets
16 Aug
Em artigo para a revista Foreign Policy, Ivan Krastev explica q os populistas transformaram "democracias de cidadãos" em "democracias de torcedores". Para figuras como Bolsonaro, cada cidadão q se converte em torcedor representa uma vitória, mesmo q a pessoa torça contra ele.👇🧵
Enquanto um cidadão considera que apontar e corrigir os erros de seu próprio partido seria um sinal de lealdade aos seus ideais, o apoio dos torcedores é absoluto, inabalável e irrefletido.
A presença de torcedores inebriados e desprovidos de senso crítico é um ingrediente fundamental para que os populistas transformem a política em um jogo de lealdades. Nessa competição, não há espaço para nuances, apenas para um sentimento de “nós contra eles”.
Read 11 tweets
11 Aug
Another big blow to the neoliberal faction in the (far-right nationalist & illiberal) Bolsonaro government: Minister of the Economy Paulo Guedes announces departure of two key people in the Ministry who quit over lack of support for implementing economic reform & privatizations.
Since the very start, the Bolsonaro government has been shaped by a permanent battle for influence among three main factions: 1) the pro-Trump anti-globalists led by the president's family and a series of conspiracy theorists and flat-earthers, 👇
2) the military faction led by national security adviser Augusto Heleno and Vice President Hamilton Mourão, both retired generals, and Minister of Defense General Fernando Azevedo; 👇
Read 8 tweets
8 Aug
Gestão grotesca da pandemia consolida isolamento internacional do Brasil, mas é fruto de um cálculo político sofisticado. Minha coluna de hoje:
brasil.elpais.com/opiniao/2020-0… via @elpais_brasil
Hoje, a posição do Brasil no cenário mundial espelha aquela que o próprio Bolsonaro ocupou ao longo de quase três décadas no Congresso Nacional: isolado, conhecido por suas loucuras e sem qualquer influência.
Mas há método nessa loucura, e seria um erro acreditar q a atuação do presidente seja incoerente ou imprevisível. Ao contrário de Trump, q permitiu a presença de cientistas de verdade em seu gov e chegou a ensaiar uma retórica mais séria em relação à crise, Bolsonaro não titubeou
Read 7 tweets
8 Aug
Today Brazil's COVID-19 death toll reaches 100,000. The president says "so what?", promotes chloroquine without scientific evidence & greets supporters without using a mask. Brazil has no Minister of Health. But: Bolsonaro approval ratings have gone up. How is that possible?👇🧵
Bolsonaro's strategy of systematic denial has made him the undisputed leader of the Ostrich Alliance. He has been far more radical than Trump. While Bolsonaro sacked his Minister of Health for failing to endorse chloroquine, Trump decided not to fire Anthony Fauci.
Yet while Brazil is rudderless, without a plan of how to overcome the pandemic, it would be a mistake to think that Bolsonaro doesn't know that he is doing. Quite to the contrary: his plan is sophisticated &disciplined (though morally reprehensible) - and it may get him reelected
Read 9 tweets

Did Thread Reader help you today?

Support us! We are indie developers!


This site is made by just two indie developers on a laptop doing marketing, support and development! Read more about the story.

Become a Premium Member ($3/month or $30/year) and get exclusive features!

Become Premium

Too expensive? Make a small donation by buying us coffee ($5) or help with server cost ($10)

Donate via Paypal Become our Patreon

Thank you for your support!

Follow Us on Twitter!